Steam
Steam está tentando conter alterações de regiões na loja (Créditos Imagem - Valve).

Em uma nova tentativa de repressão contra as pessoas que compram jogos em regiões mais baratas na Steam, a Valve adicionou um limite na frequência com que os usuários podem trocar o pais da conta Steam.

Conforme o que o SteamDB reportou, agora cada conta não pode alterar o seu pais mais de uma vez em 3 meses. E as compras precisam ser concluídas utilizando um método de pagamento da sua região atual.


Para quem não sabe, a Steam possui o Preço Regional de jogos para cada região, onde as Publishers podem definir o preço de seus jogos para diferentes regiões no mundo, sem precisar fazer a conversão direta do valor em dólar.
Exemplo – Se um jogo no EUA custa U$49,99, no Brasil pode custar R$99,99 (sem a conversão direta), e em outras determinadas regiões os jogos podem ser mais baratos ainda como na Argentina por exemplo, onde atualmente é uma das regiões que os jogos são mais baratos no mundo.

A Steam realiza essa pratica de Preço Regional para que consumidores em países que possuem moedas desvalorizadas, possam continuar comprando na loja, mas acontece que muitos espertalhões alteram a região da sua conta Steam para a Argentina por exemplo, para conseguir comprar jogos pela metade do preço.

Alguns usuários já estão reportando em fóruns que a Steam está “deportando” jogadores de volta para as suas regiões de origem sem avisos prévios e que a conversão de Gift card’s para outros países está sendo bloqueada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui